Home > BLOCO TOPO > Traficantes ordenam toque de recolher após morte “Branquinho” em Cruz das Almas

Traficantes ordenam toque de recolher após morte “Branquinho” em Cruz das Almas

Manhã de segunda-feira (16/set) tensa para os moradores das comunidades de Baixa de Toquinha e Pumba, em Cruz das Almas, após a morte de um traficante de drogas identificado como “Branquinho”, na manhã de ontem (15). Pela rede social alguns moradores relataram que os ônibus não estão circulando e que o comércio e as escolas estão fechadas.

Por telefone e sob anonimato, um morador do Minha Casa, Minha Vida, da Pumba, conversou com nossa reportagem. Segundo ele, o medo tomou conta do condomínio. “Aqui nada está funcionando e quem abrir corre risco de morrer. Só podemos sair de casa em caso de extrema necessidade”, contou.

Em contato com o Forte na Notícia, via aplicativo WhattsApp, o capitão Denis, subcomandante da 27ª CIPM, negou a existência de toque de recolher, e garantiu o reforço do policiamento na região. “Estão querendo fazer uma manifestação com o tal toque de recolher, mas as viaturas estão no terreno e se depender da PM não vai haver toque de recolher”, garantiu.  O oficial da Polícia Militar prometeu divulgar uma nota de esclarecimento nas próximas horas.

 

« Compartilhar...