Home > BLOCO TOPO > Cubanos podem ser reincorporados ao Mais Médicos após mudanças no programa

Cubanos podem ser reincorporados ao Mais Médicos após mudanças no programa

Médicos cubanos podem ser reincorporados ao Mais Médicos caso o governo federal concretize as alterações que pretende fazer no edital do programa. Após o rompimento do acordo de colaboração entre Brasil e Cuba, os estrangeiros tiveram de deixar o país.

No entanto, de acordo com o estadão, a ideia é que eles voltem a trabalhar na atenção básica do Sistema Único de Saúde (SUS) por dois anos. Ao todo, dos 8 mil profissionais que vieram ao Brasil, 2 mil permaneceram aqui mesmo com o rompimento do acordo. Desses, 700 têm situação regularizada por terem se casado com brasileiros(as).

Somente esses 2 mil que ficaram no Brasil teriam direito à reincorporação. A proposta deve ser apresentada a parlamentares nessa semana. Um dos entraves para que ela ainda não tenha tramitado é o nome do programa. O governo avalia que o Mais Médicos se tornou marca do governo de Dilma Roussef.

A iniciativa foi lançada em 2013, em resposta às manifestações de rua daquele ano e também a reivindicações feitas por prefeitos, pela dificuldade em manter profissionais atuando em regiões distantes. (Bahia Notícias)